Botox: rugas e sorriso

Botox: rugas e sorriso

Botox: rugas e sorriso

 

O que é o botox?

A toxina botulínica popularmente conhecida como botox é uma toxina produzida por uma bactéria chamada Clostridium botulinum. É a mesma bactéria causadora da doença botulismo, mas a toxina botulínica industrializada é purificada e usada em doses que não causam a doença. A toxina é aplicada no músculo e provoca o relaxamento da região.

Indicações da toxina botulínica

Todo mundo pensa em botox ao se lembrar das rugas, mas não está não é sua única indicação.

Sorriso gengival

– Sorriso Gengival: teoricamente um sorriso é simétrico não deve expor mais do que 3 milímetros da gengiva. Qualquer medida acima disso faz com que o indivíduo tenha o chamado “sorriso gengival”, um problema estético comum e bastante incômodo. Quem possui sorriso gengival expõe mais a gengiva do que os dentes ao sorrir. Essa assimetria pode afetar a autoestima do indivíduo, fazendo com que ele evite o riso em público. Hoje isso pode ser resolvido com a aplicação do Botox Bem aplicado causa o relaxamento muscular no local e suaviza o visual exageradamente “erguido” do lábio superior. Dessa forma a exposição gengival é amenizada e o sorriso fica muito mais harmonioso.

Rugas e linha de expressão

Rugas e linhas de expressões: suavizar as rugas e linhas de expressão do rosto. Entre as linhas tratadas estão as rugas da testa, a glabela (espaço entre as sobrancelhas) e, os pés de galinha, rugas que se formam na região dos olhos. Para sulcos ao redor dos lábios, entre eles o famoso bigode chinês – linha que se forma entre o nariz e o canto da boca – o mais recomendado é o preenchimento facial, pois é uma região de bastante movimento e não é possível atuar na musculatura sob pena de deixar o rosto paralisado.

A principal motivação para este tratamento estético é o incômodo gerado pelas rugas ao paciente. Em comparação com cremes para rugas e linhas de expressão, o botox costuma trazer resultados mais visíveis. No entanto, a indicação do botox depende de avaliação médica individualizada.

Ação do botox

As rugas aparecem devido ao envelhecimento facial, que ocorre por idade, exposição solar inadequada, má alimentação e tabagismo, entre outros. Mas o fator imprescindível para seu aparecimento é a contração natural dos músculos do rosto, que formam as chamadas linhas de expressão, entre outros. Por exemplo: muitas pessoas tem o hábito de franzir a testa ao se expressar, mas com o passar do tempo essa contração dos músculos da região geram vincos horizontais na pele. O mesmo acontece com as rugas ao redor dos olhos – resultado da tensão gerada quando sorrimos ou forçamos a vista, por exemplo.

Quando é injetada nessas rugas, a toxina botulínica age como um bloqueador neuromuscular, ou seja, bloqueando a transmissão de estímulos dos neurônios para os músculos, impedindo, parcial ou totalmente, a contração muscular.

Geralmente a aplicação dura de 4 a 6 meses, e leva por volta de 7 dias para se ver o efeito total.

 O benefício da aplicação se dá de duas maneiras:

Preventiva: como a contração muscular é paralisada não haverá a formação de rugas pela movimentação muscular na área em que foi aplicado o botox. Está é a razão pela qual cada vez mais jovens nos procuram – antes do surgimento das rugas.

Reparativa: como o botox tira a tensão da musculatura, as rugas, causadas por esses músculos, são amenizadas. Assim como suaviza o visual de lábio erguido em um sorriso gengival.

Pré-requisitos para a aplicação do botox

Não há idade especifico, mas o bom senso diz que é melhor após os 25 anos ou quando as rugas de expressão começam a incomodar. O tratamento não dever ser feito em grávidas e em mulheres amamentando.

A aplicação é praticamente indolor, porém o local deve ser detalhadamente estudado pelo especialista, para que o resultado seja o mais natural possível. Nas primeiras 4h não se deve fazer exercício físico, deitar, aquecer o local (secador) ou massagear o local. Podem aparecer pequenos hematomas nos locais das aplicações. Em nosso serviço utilizamos pomadas anestésicas que tornam praticamente indolor a aplicação

sorriso gengival? botox

O botox, assim como todo medicamento, é contraindicado para pacientes que apresentam alergia a qualquer componente de sua formulação. Mulheres grávidas ou em amamentação, portadores de doenças neuromusculares, imunológicas e coagulopatias (ou ainda pessoas que utilizem anticoagulantes, amino glicosídeos e drogas que interfiram na transmissão neuromuscular) não devem ser tratados com a substância.

Dra. Juliana Nogueira Tortorello

3885 5066

 

Reembolso



Deixe um comentário

START TYPING AND PRESS ENTER TO SEARCH